Fernando Nobre

Fevereiro 17, 2010 at 8:29 pm Deixe um comentário


E não é que é mesmo. Há semanas dizia Pedro Correia no Delito de Opinião (link 1) que Fernando Nobre era um dos ‘Presidenciáveis’, título que deu a personalidades cujo perfil poderia encaixar-se no estatuto de Presidente da República. Nesse momento, eu achei impossível sequer a candidatura, no entanto concordei que se alguém é Presidenciável, ele também o é, por mérito próprio, e sem alavancas partidárias. Surpresa minha quando hoje durante uma viagem ouço de relance na telefonia ‘Fernando Nobre na corrida para a Presidência de República’ (link 2), e esta – pensei!

Se queremos um candidato de ruptura, se queremos uma pessoa isenta, se queremos ter esperança numa pessoa imparcial, será ele concerteza. Neste momento, e dada a actual confusão partidária reinante, ele tem o meu voto e, mais uma vez, por mérito próprio!

Nada como uma lufada de ar fresco nesta democracia apodrecida. Precisamos de mudança, que tal começar aqui!

Anúncios

Entry filed under: Politica.

Mar de Terra STAE

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


Questionário

Memorando

Interlocutores

  • 124,320 Questionaram

%d bloggers like this: