Saramago

Junho 19, 2011 at 12:22 am Deixe um comentário


Cumpriu-se ontem um ano post-mortem de Saramago. As suas cinzas foram depostas numa oliveira trazida a propósito da sua terra-natal – Azinhaga do Ribatejo – colocada em frente à Casa dos Bicos, junto ao Campo das Cebolas, onde a sua obra estará perpetuada pela Fundação José Saramago atualmente presidida pela sua viúva Pilar Del Rio.

Um dos génios da literatura portuguesa, incompreendido e maltratado q.b., deixa o seu país aborrecido com uma classe política hipócrita e regressa na condição de eterno, que a sua memória seja preservada por esses tempos distantes.

Entry filed under: Cultura. Tags: .

+ Saúde 21 Paulo Macedo

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Trackback this post  |  Subscribe to the comments via RSS Feed


Questionário

Memorando

Interlocutores

  • 120,557 Questionaram

%d bloggers like this: